TAIKO

 

Taiko_banner

 

太鼓 Taiko

 

A história e origem do Taiko são como, na maioria das artes japonesas, inundadas de especulações. Ainda que haja algumas suposições possíveis, a evidência física mais antiga do Taiko no Japão é possivelmente uma figura em barro de um baterista de 埴輪 Haniwa (figuras de barro de terracota que foram feitas para ritual e enterradas com o mortos como objetos funerário durante o período de 古墳 Kofun do 3º a 6º século d.C.). Mas, como é sabido que os primeiros instrumentos em qualquer sociedade tendiam a serem instrumentos de percussão, não estaria fora de argumento que o Taiko tenha sido usado no Japão a mais de 2000 anos.

O Taiko japonês como é conhecido hoje tem grande semelhança aos instrumentos chineses e coreanos que provavelmente foram introduzidos durante a onda de influência cultural entre os Séculos III e IX. Como também existem especulações que o antecessor do Taiko possa ter vindo da Índia, e depois chegado no Japão com Budismo. Porém, essa influência cultural parou, na maior parte, ao redor do século IX e pode basicamente ser atribuído seu desenvolvimento aos artesãos japoneses nativos, e embora tenha semelhanças aos tambores chineses e coreanos, evoluiu em um instrumento japonês sem igual.

Supostamente, um dos primeiros usos de tambores foi como instrumento de comunicação entre povoados e no campo de batalha. O poder estrondeante do Taiko foi associado com os deuses, e apropriado pelas religiões do Japão. De acordo com estudiosos, aproximadamente quatro mil anos atrás, no período de  縄文 Jômon, o Taiko foi usado para sinalizar várias atividades na aldeia. Seriam usadas batidas simples de tambores para sinalizar que os caçadores estavam partindo, ou sinalizar que uma tempestade estava chegando e que as mulheres precisaram trazer a carne e frutas que estavam secando, etc. Enquanto não houver nenhuma evidência física direta para apoiar esta reivindicação, acredita-se nesse contexto, pois existiu o mesmo comportamento em outras culturas. Por esses sinais serem tão importantes ao fluxo de vida diária, as pessoas eram muito gratas ao Taiko, e começou a crer que ele estava habitado por um deus.

Já em campo de batalha pode ter sido usados para intimidar e assustar o inimigo e para emitir comandos e coordenadas de movimentos, isso porque o Taiko era o único instrumento que poderia ser ouvido a longa distancia. De acordo com documentos e pinturas antigas, um soldado levaria o Taiko como uma mochila de armação, enquanto dois outros soldados bateriam o Taiko, em cada lado. Um Taiko de guerra usado por 武田 信玄Takeda Shingen, um 将軍Shôgun famoso daquela era, ainda existe e é preservado por 御諏訪太鼓 Osuwadaiko (o maior grupo de Taiko do Japão).ikko

Além do aspecto marcial, o Taiko foi também usado nas colocações culturais mais refinadas. Foi apresentada música de 雅楽 Gagaku (música e danças da corte imperial antiga) para o Japão no período 奈良Nara (697-794) junto com Budismo, e foi adotado depressa como a música da corte imperial. Gagaku é a música continuamente tocada mais antiga do mundo, e ainda está sendo executada. Os modelos de Taiko usados no Gagaku são do mais elegante e graciosamente decorado de todos os instrumentos japoneses.  Alguns foram:

 

kitgu-kakko

羯鼓 Kakko

Sannotsuzumi

三の鼓 San No Tsuzumi

Dadaiko

大太鼓 Dadaiko

gakudaiko2

釣 太 鼓 Tsuridaiko

ninai

荷太鼓 Ninaidaiko

furi

鼗 Furitsuzumi

 

Com o desenvolvimento dessa convicção, só os homens santos foram permitidos bater o Taiko, e com o Shintoísmo e as religiões budistas desenvolvidas no Japão, este costume permaneceu. Assim os únicos instrumentos a ser achados em Santuários e Templos eram Taiko. Uma consequência desta associação com religião era que o Taiko só era tocado em ocasiões especiais, e só por homens que foram concedidos permissão especial pelos sacerdotes. Durante todo este tempo, o Taiko foi tocado isoladamente ou em alguns casos, em pares.


O Taiko continuou sendo usado em cerimônias religiosas, e é extremamente comum encontrarmos Taiko de em templos e santuários. Na realidade, a seita de uchiwa_daiko_Nichiren日蓮 Nichiren é creditada como criadora do 内輪太鼓 Uchiwadaiko (tipo de raquete para percussão) e usou como auxiliar aos cantos. Algumas seitas budistas usam Taiko para representar a voz de Buda, e 盆踊り Bonodori (festival de dança e lanternas em homenagem aos antepassados). Foi também usado em aldeia como ritos de Shintoísmo para oferecer orações aos Deuses. Além disso, os festivais de aldeias eram célebres com o som de toques de tambores. Estes festivais desenvolveram muitos e ricos ritmos de Taiko tradicionais que são hoje uma fonte de inspiração para músicos modernos.


O 組太鼓 Kumidaiko, que literalmente significa um conjunto de Taiko, surpreendentemente só foi inventado em 1950 por uma única pessoa, ainda que sua história seja milenar. Essa pessoa foi 小口 大八 Daihachi Oguchi, o fundador de Osuwa Daiko. Ele era de fato um baterista de jazz. Um dia, lhe pediram que interpretasse uma antiga partitura de música de Taiko para o Santuário de Osuwa que foi achado em um velho armazém. A música foi escrita em uma envelhecida anotação japonesa e ele não pôde entender isto no princípio. Mas, felizmente, achou um velho homem que tinha executado a melodia, e então ele teve sucesso em interpretar afinal. Porém, como um músico de jazz, o padrão de ritmo da melodia era muito simples para tocá-la. Ele desejou saber por que ninguém tocava Taiko junto. Uma ideia maravilhosa surgiu em sua mente e o fez decidir aprofundar-se na tradição. Inspirado por um conjunto de tambores ocidentais, ele formou um grupo no qual cada músico batia um Taiko diferente; em resumo, ele deu para o grupo uma função com um conjunto de tambores. Um 締め太鼓 Shimedaiko estabeleceu um ritmo básico como uma caixa de bateria faz. Um 長胴太鼓 Nagadodaiko rosnando somou toques como bumbo, e assim esta invenção de época mudou a música do Taiko para sempre.


Alguns modelos contemporâneos:

nagado

長胴太鼓 Nagadodaiko

oodaiko

大太鼓 Oodaiko

tsukesime

附締太鼓 Tsukeshime Taiko

okedou

桶胴太鼓 Okedô Taiko


okedou_eitetu

英哲型・かつぎ桶 Eitetsugata - Katsugioke

hiradou

平胴太鼓 Hiradô Taiko

gakko_gd

楽鼓・月鼓 Gakko

youko

腰鼓 Youko

kokoro

鼓心 Kokoro

kazaridaiko

飾り太鼓 Kazaridaiko